Inicial / Diversos / Livro Reinventando a Segurança Pública detalha planos e ações governamentais dos últimos 23 anos em SC

Livro Reinventando a Segurança Pública detalha planos e ações governamentais dos últimos 23 anos em SC

O que precisa ser feito para que a segurança pública catarinense seja eficaz e realmente cumpra seu papel, que é proteger o cidadão, ao mesmo tempo em que oferece condições que assegurem a dignidade do profissional que atua na área?

A resposta sobre essa indagação talvez possa ser encontrada no livro Reinventando a Segurança Pública: Os planos nacionais e as ações de cidadania e polícia em Santa Catarina 1987-2010, de autoria do delegado aposentado Ricardo Thomé, lançado em 2012.

O livro é um registro completo sobre planos e ações governamentais na área da segurança pública dos últimos 23 anos, reunindo números, dados e informações que vão do governo Pedro Ivo Campos até Luiz Henrique Silveira.

“O maior investimento em Segurança pública foi no governo Paulo Afonso com a implantação do sistema integrado de informações, ou seja, a informatização dos procedimentos se tornou realidade”, relata Thomé. Ele recorda que em 1994 existiam apenas três computadores na Secretaria de Segurança Pública. Quatro anos depois todas as unidades da Polícia Civil estavam interligadas em rede.

O livro mostra que mesmo com a implantação de um Plano Estadual de Segurança Pública no governo de Luiz Henrique da Silveira, não houve resultados concretos devido à falta de planejamento. “O que existe desde aquela época até hoje são somente Planos Reativos e Repressivos”, diz o autor.

Thomé ressalta que o grande desafio dos governos é separar Segurança Pública da ideia de despesa. “Todo o gasto deve ser compreendido como investimento para o bem da sociedade. Temos uma polícia que é reativa. Não há planejamento administrativo e nem de efetivo, ela recebe investimentos conforme o problema”.  A falta de política de valorização salarial também é retratada na obra.

Distribuído pela Editora Insular, o livro terá uma segunda edição no ano que vem, e trará os investimentos de 2010 a 2018 em Segurança Pública. “A ideia é mostrar o que foi feito para com isso aprimorar as ações dentro do tripé: Planejamento, acompanhamento e resultado. Somente com essa metodologia vamos conseguir reinventar a segurança pública em nosso estado”, finaliza o delegado.

O Sinpol/SC adquiriu alguns exemplares do livro e  irá sortear entre os filiados. Em breve informações sobre os critérios do sorteio.

AQUISIÇÃO DO LIVRO: Site da editora Insular www.insular.com.br

Ricardo Lemos Thomé – Doutor em Direito pela Universidad Del Museo Social Argentino (2002). Delegado de Polícia Especial aposentado, atuou nas comarcas de Dionísio Cerqueira, Criciúma, Chapecó, Joaçaba, Laguna e Florianópolis. Exerceu o cargo de Diretor de Planejamento da Segurança Pública (1995/1998 e 2003/2004), Chefe de Polícia Civil (2004/2005) e Ouvidor da SSP (2007/2014). Pratica docência em Gestão Pública, Direito Criminal, Processo Penal, Direito Penal e Negociação em Delitos com Reféns.

Presidente do sinpol e o autor do livro

Veja Também

Pai de policial civil lança livro sobre a Guerra do Contestado

A Guerra do Contestado foi um marco importante para Santa Catarina. Um conflito armado ocorrido …